Empresas Familiares – Porque às vezes é tão difícil tocar nesse assunto?

 

Às vezes fico pensando “porque é tão difícil falar sobre empresas familiares”?

 

Já escrevi sobre isso outras vezes e acredito que sejam várias as razões. Pode ser porque para alguns, “empresas familiares não parecem ser negócios sérios e / ou estão fadadas ao fracasso” ou pode ser porque “alguns empreendedores não reconhecem seus negócios como familiares” , entre tantas outras razões.

 

Recentemente me dei conta de que pode ser difícil tocar nesse assunto pois exige o enfrentamento de uma situação que para muitos pode ser desconfortável. Para algumas pessoas, principalmente, herdeiros, pode ser muito difícil tratar de questões como a escolha da carreira, a profissionalização, sucessão, sociedade entre os irmãos.

 

Cada família tem uma história única mas pelo fato de os herdeiros estarem em uma situação parecida – um dia eles herdarão o negócio da sua família – faz com que eles possam conversar sobre esse tema tão importante, que não garante mas contribui para a continuidade do negócio.

 

Se eu pudesse fazer uma recomendação, diria o seguinte “participem de fóruns, grupos de discussão, encontros e congressos” pois, mais importante do que o conteúdo a ser transmitido nessas ocasiões é a possibilidade de aprender com as experiências dos outros participantes, e, ainda,  a possibilidade de ampliar a rede de contatos. Os benefícios são vários e serão enumerados no próximo post.

 

0 comentários

Faça um comentário

Quer participar da discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *